ansef 16

Natal/RN – A Polícia Federal, em conjunto com policiais militares do Comando Tático Rural do Ceará-COTAR, prendeu em Aracati/CE, dois cearenses, de 22 e 33 anos. Os homens eram suspeitos de integrarem o grupo armado que tentou assaltar dois carros-fortes da empresa Brinks, na BR 304, naquela cidade. Um dos homens detidos é foragido do Sistema Penal do Ceará.

Por ocasião dessas prisões, foram também apreendidas uma submetralhadora, munições e mais um veículo utilizado naquela ação criminosa. Outras armas de alto poder de fogo já haviam sido encontradas com o bando, dentre elas, inclusive, uma de calibre .50 capaz de derrubar aeronaves.

O trabalho da equipe de inteligência da PF, desenvolvido em parceria com a PMCE (COTAR), manteve durante meses uma investigação denominada Chuva de Bala, que identificou todos os membros de uma organização criminosa e seu modus operandi em ataques praticados contra instituições financeiras e carros-fortes em alguns estados, como RN e CE, sendo possível se antecipar contra ações criminosas na região, como foi o caso da tentativa de assalto ocorrida no último dia 25/6.

As investigações da PF apontam ainda que membros dessa quadrilha pertencem a facção PCC e tem envolvimento com o furto praticado contra o Banco Central, em Fortaleza, no mês de agosto de 2005.

Enquadrados nos crimes de formação de quadrilha, adulteração de veículo e porte de arma de uso restrito, os acusados foram encaminhados e estão recolhidos na Cadeia Pública de Aracati, à disposição da Justiça.

As buscas prosseguem naquela região visando localizar e prender os outros integrantes do bando criminoso.

 

Fonte: Comunicação Social da Polícia Federal no Rio Grande do Norte

 
 
Usuario:
Senha: