ansef 15

Macapá/AP - A Polícia Federal efetuou a prisão em flagrante de quatro indivíduos, todos brasileiros, que estavam a bordo de uma embarcação roubada da Guiana Francesa. O trabalho é resultado de atuação em conjunto com a Marinha do Brasil, a Marinha e a Polícia da Guiana Francesa (Gendarmerie), via Cooperação Policial Internacional.

Oficiais da Marinha Brasileira e policiais federais conduziram quatro indivíduos que teriam sido abordados pela Marinha Brasileira, em águas territoriais brasileiras (próximo à fronteira com Guiana Francesa), a bordo de uma embarcação que teria sido objeto de roubo.

O roubo da embarcação, denominada Arpia, ocorreu no Porto de Larivot, perto de Caiena (Guiana Francesa), um dia antes da abordagem realizada pela Marinha Brasileira.

Segundo informações repassadas pelas autoridades francesas, o roubo teria sido praticado, a mão armada, por nove indivíduos. Na ocasião do roubo, a embarcação estava sob a custódia das autoridades francesas, por ter sido apreendida dias antes em decorrência da prática de pesca ilegal em águas territoriais da Guiana Francesa.

A Polícia Francesa e as Forças Armadas daquele país teriam rastreado a embarcação se dirigindo rumo a águas territoriais brasileiras, motivo pelo qual acionaram, via canais de cooperação internacional, a Marinha Brasileira e a Polícia Federal.

Após contatos com as autoridades francesas, a Marinha Brasileira localizou e interceptou a referida embarcação já em águas territoriais brasileiras, divisa da Guiana Francesa com Brasil, próximo à foz do Rio Oiapoque.

Um inquérito policial foi instaurado para apurar os crimes de receptação, contrabando e associação criminosa, bem como a eventual participação dos indivíduos presos na prática do roubo da embarcação.

 

Fonte: Comunicação Social da Polícia Federal no Amapá

 
 
Usuario:
Senha: